Governador e Secretários dialogam com prefeitos da Região Metropolitana de SP sobre retomada das atividades

Secretaria de Desenvolvimento Regional

Publicado em

Estado orientou lideranças municipais sobre a possibilidade de reabertura gradual dos serviços não essenciais após 10 de maio

O Governador João Doria e secretários de estado apresentaram nesta quarta-feira (29) as diretrizes do Plano São Paulo aos prefeitos da Região Metropolitana de São Paulo, durante teleconferência transmitida do Palácio dos Bandeirantes. O plano prevê a flexibilização gradual e heterogênea da quarentena no Estado, com possibilidade de reabertura gradual de comércios e serviços não essenciais a partir de 11 de maio.

Ao longo da reunião, prefeitos de 38 cidades receberam informações sobre a situação geral de infecções e óbitos pelo coronavírus. Doria e equipe também detalharam os regramentos que vão nortear a flexibilização da quarentena em São Paulo.

 “Vamos seguir rigorosamente a quarentena até 10 de maio, mesmo porque o nosso sistema tem indicado queda na taxa de isolamento em algumas cidades da região metropolitana. Temos que ficar alertas nesses casos, mas também parabenizar aquelas cidades em que a população tem respondido positivamente, permanecendo em suas casas. Juntos vamos superar essa crise, juntos, tudo vai passar”, disse Doria.

O panorama de disseminação do coronavírus no estado de São Paulo exige cautela. O balanço publicado na tarde desta quarta confirmou 26.158 casos da doença e 2.247 mortes em decorrência da COVID-19.

Das 645 cidades paulistas, 314 tiveram pelo menos um registro da doença. Do total de infectados, 9.520 foram detectados em cidades do interior, litoral e Região Metropolitana da capital.

“Não existe estratégia isolada nesse momento. O que cada uma das cidades faz, reflete diretamente nas outras. É fundamental que se mantenha a unidade nas ações para que não tenhamos impactos negativos no combate à pandemia de coronavírus”, destacou o secretário Marco Vinholi.

Participaram da reunião os Secretários de Estado Marco Vinholi (Desenvolvimento Regional), Patricia Ellen (Desenvolvimento Econômico), José Henrique Germann (Saúde) e Célia Parnes (Desenvolvimento Social), além da economista Ana Carla Abraão, membro do Comitê Econômico e Geraldo Reple, representando o Centro de Contingenciamento do coronavírus.

Agenda

Nesta quinta-feira (30), o Governador promove a terceira reunião de apresentação do Plano São Paulo com prefeitos de cidades com menos de 200 mil habitantes.

PROGRAMAÇÃO – 1º SEMINÁRIO DE GESTÃO PÚBLICA

8h: Recepção – Credenciamento

9h: Abertura oficial – Vídeo ações do Governo de São
Paulo

9h10: BLOCO 1 – Desafios da Gestão Pública

• Marco Vinholi – Governo Municipalista;
• Henrique Meirelles – Economia e Finanças Públicas;

10h10: BLOCO 1 – Falas – Prefeitos e Parlamentares


10h40: BLOCO 2 – Soluções e inovações da
Gestão Pública

• Rodrigo Garcia – Diretrizes do Novo Governo;
• João Doria – Gestão Pública e Inovação Digital;

12h: BLOCO 2 – Anúncio – Liberação de recursos – Assinatura de
Autorizo Digital.

T