Desenvolvimento Regional anuncia novos respiradores para o interior e abertura do Hospital do Ibirapuera para pacientes de Campinas

Secretaria de Desenvolvimento Regional

Publicado em

Hospital de Campanha passarĂĄ a atender pacientes vindos da regiĂŁo de  Campinas; outras regiĂ”es tambĂ©m poderĂŁo usar a estrutura

O Secretårio de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, anunciou hoje (8), em coletiva de imprensa no Palåcio dos Bandeirantes, a distribuição de 87 respiradores para todo o interior do Estado.

Foram beneficiadas as regiÔes de Araraquara (5 respiradores), Bauru (2), Campinas (4), Franca (10), Marília (8), Piracicaba (40), Rio Preto (5), São João da Boa Vista (2) e Sorocaba (11).

No total, o estado jå distribuiu 2587 respiradores hospitalares para 149 cidades. Mais de R$ 400 milhÔes jå foram investidos nessas parcerias com os municípios.

“O estado mais do que dobrou sua capacidade hospitalar em termos de leitos de UTI”, afirmou o secretário Marco Vinholi. “Nenhum cidadão ficará sem atendimento para a Covid-19 no estado”, complementou.

Outro importante anĂșncio feito na entrevista coletiva de hoje foi que o Hospital de Campanha do Ibirapuera passarĂĄ a atender pacientes com COVID-19 da regiĂŁo de Campinas. Outras regiĂ”es do estado tambĂ©m poderĂŁo usar a estrutura, se necessĂĄrio.

O hospital do Ibirapuera dispÔe de 240 leitos de enfermaria e 28 de UTI, sala de descompressão, consultórios médicos e tomografia.

Com a diminuição da propagação do coronavírus na capital e o aumento de casos no interior, o Hospital de Campanha serå referenciado a partir de hoje para atender pacientes preferencialmente de Campinas e também de outras regiÔes se necessårio.

“A ação permite o atendimento correto e efetivo, sem o aumento de custos. NĂŁo hĂĄ necessidade de montar um hospital de campanha em Campinas, se temos um hospital de campanha aqui operando em boas condiçÔes. É mais barato e eficiente providenciar o transporte por ambulĂąncias com UTI”, disse o Governador JoĂŁo Doria.

O hospital de campanha do Ibirapuera foi inaugurado pelo Governo de SĂŁo Paulo em 1Âș de maio, no Complexo Esportivo do Ibirapuera. A unidade Ă© referenciada e recebe pacientes encaminhados por outros serviços, com apoio da Cross (Central de Regulação e Oferta de Serviços de SaĂșde). Na manhĂŁ de hoje, 146 pacientes estavam internados. Desde a inauguração atĂ© agora, 1.667 pacientes foram atendidos e 1.191 receberam alta. Houve nove Ăłbitos na unidade.

“O hospital de campanha do Ibirapuera tem cerca de 55% de ocupação hoje. O custo de mais de R$ 10 milhĂ”es investidos por mĂȘs na unidade serĂĄ direcionado para o interior do estado e Campinas terĂĄ desafogada sua capacidade hospitalar, que jĂĄ supera 80%”, afirmou o SecretĂĄrio  Marco Vinholi.

O serviço possui todo o aparato tecnolĂłgico para garantir atendimento com qualidade e humanização, alĂ©m da prevenção a contaminaçÔes. Equipes de saĂșde e pacientes possuem acesso Ă  internet wi-fi para manter contato com familiares, jĂĄ que visitas e presença de acompanhantes serĂŁo restritas. Os boletins mĂ©dicos sĂŁo enviados por videochamadas, alĂ©m de um canal por WhatsApp para contato diĂĄrio.

Os internados tĂȘm suporte de uma equipe multiprofissional e atividades focadas no bem-estar emocional, como biblioteca itinerante, mandalas para colorir e outras atividades culturais. HĂĄ sistema de ar-condicionado que assegura climatização adequada e troca de ar constante, atendendo Ă s normas sanitĂĄrias e de segurança.

AlĂ©m da possibilidade de encaminhamento de pacientes ao hospital do Ibirapuera, moradores da regiĂŁo de Campinas contam tambĂ©m 662 novos leitos de UTI criados em serviços de referĂȘncia regionalizada, com foco no enfrentamento Ă  pandemia. TambĂ©m foram enviados 174 respiradores a unidades municipais, estaduais e filantrĂłpicas localizadas na ĂĄrea do DRS (Departamento Regional de SaĂșde).

No estado de SĂŁo Paulo, o nĂșmero de leitos de UTI mais do que dobrou – passou de 3,6 mil para 8,1 mil, que contaram com mais de 2,4 mil novos respiradores destinados a serviços do SUS de SP.

PROGRAMAÇÃO – 1Âș SEMINÁRIO DE GESTÃO PÚBLICA

8h: Recepção – Credenciamento

9h: Abertura oficial – VĂ­deo açÔes do Governo de SĂŁo
Paulo

9h10: BLOCO 1 – Desafios da GestĂŁo PĂșblica

‱ Marco Vinholi – Governo Municipalista;
‱ Henrique Meirelles – Economia e Finanças PĂșblicas;

10h10: BLOCO 1 – Falas – Prefeitos e Parlamentares


10h40: BLOCO 2 – SoluçÔes e inovaçÔes da
GestĂŁo PĂșblica

‱ Rodrigo Garcia – Diretrizes do Novo Governo;
‱ JoĂŁo Doria – GestĂŁo PĂșblica e Inovação Digital;

12h: BLOCO 2 – AnĂșncio – Liberação de recursos – Assinatura de
Autorizo Digital.

T