Ocupação de leitos de UTI na Capital e no interior de SP registra índice inferior a 60%

Secretaria de Desenvolvimento Regional

Publicado em

Governo do Estado oferece 10 mil vagas com auxílio-desemprego em 365 municípios

Com a presença do Vice-Governador Rodrigo Garcia e dos Secretários de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, Saúde, Jean Gorintcheyn, Desenvolvimento Econômico, Patrícia Ellen, e Fazenda, Henrique Meirelles, a coletiva de imprensa de hoje (17), no Palácio dos Bandeirantes, apresentou as mais recentes informações acerca da evolução e enfrentamento da pandemia de coronavírus no estado, bem como as medidas de retomada da economia paulista.

O Governo divulgou notícias importantes para a economia e a geração de empregos em SP nesta que é a 34ª semana epidemiológica da pandemia no estado. A primeira foi a apresentação dos resultados de estudo da FIPE que mostra o ritmo e as modificações da atividade econômica no estado durante a pandemia de coronavírus e, como consequência do Plano SP, a preservação de mais de 300 mil empregos no estado. O estudo da FIPE mostra também que os maiores beneficiados foram trabalhadores formais com baixa renda e escolaridade.

“O Plano SP foi pensado e elaborado tendo em vista dois propósitos principais, preservar simultaneamente a saúde e os empregos, e esta pesquisa mostra que ele foi exitoso nestas tarefas”, disse o secretário Marco Vinholi.

A segunda notícia importante divulgada pelos membros do Governo do Estado na coletiva de imprensa de hoje foi que neste segundo semestre o Executivo paulista passa a oferecer dez mil vagas, em 366 cidades, por meio do programa governamental das Frentes de Trabalho. Inclui bolsas-auxílio e programas de qualificação profissional.

As inscrições estão abertas e são gratuitas. “O Governo de SP tem um programa bem-sucedido que são as frentes de trabalho, elas agora contam com a bolsa-auxílio e a qualificação profissional”, afirmou Rodrigo Garcia.

Outra boa notícia trazida pelos membros do Governo do Estado na entrevista de hoje foi que a taxa de ocupação de leitos de UTI tanto na região metropolitana da capital como no interior do estado se manteve abaixo dos 60%.

Já o Secretário de Estado da Saúde, Jean Gorinchteyn, anunciou que o estado de São Paulo registrou queda de 1% no número de óbitos por coronavírus entre os dias 9 e 15 de agosto, ante a semana anterior, de 2 a 8 de agosto.

Mais de meio milhão de pacientes se recuperaram da COVID-19 no estado. Este bom resultado se deveu à ampliação do número de leitos em todo o estado e distribuição de respiradores a todas as regiões do estado. Em especial, ao trabalho dedicado e contínuo dos profissionais de saúde paulista em todas as situações. SP tem hoje 702 mil casos de coronavírus, com 26.899 óbitos.

Programa Emprego e Renda

O Programa Emprego e Renda promoverá a criação de 10 mil bolsas de auxílio-desemprego. O Vice-Governador Rodrigo Garcia anunciou hoje a criação dessas bolsas de auxílio-desemprego, em que os participantes receberão o benefício mensal de R$ 330 e ainda terão a oportunidade de realizar cursos de qualificação. As Inscrições estão abertas e são gratuitas.

As vagas serão distribuídas nos 365 municípios do estado. O programa Emprego e Renda é realizado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico em parceria com os municípios. A ação tem por objetivo reduzir os impactos da pandemia do novo coronavírus entre a população carente em todo estado, proporcionando geração de renda e capacitação.

As oportunidades oferecidas são nas áreas de zeladoria, limpeza, conservação e manutenção de órgãos públicos municipais. Além do auxílio, o cidadão beneficiado contará com seguro contra acidentes pessoais e realizará cursos de qualificação profissional ou alfabetização oferecidos pelo Centro Paula Souza.

As ações serão realizadas em todas as cidades paulistas, nas regiões Araçatuba, Barretos, Bauru, Campinas, Central, Franca, Itapeva, Marília, Presidente Prudente, Vale do Ribeira, Ribeirão Preto, Santos, São José do Rio Preto, Região Metropolitana de São Paulo, Sorocaba e Vale do Paraíba.

Tags: , ,

PROGRAMAÇÃO – 1º SEMINÁRIO DE GESTÃO PÚBLICA

8h: Recepção – Credenciamento

9h: Abertura oficial – Vídeo ações do Governo de São
Paulo

9h10: BLOCO 1 – Desafios da Gestão Pública

• Marco Vinholi – Governo Municipalista;
• Henrique Meirelles – Economia e Finanças Públicas;

10h10: BLOCO 1 – Falas – Prefeitos e Parlamentares


10h40: BLOCO 2 – Soluções e inovações da
Gestão Pública

• Rodrigo Garcia – Diretrizes do Novo Governo;
• João Doria – Gestão Pública e Inovação Digital;

12h: BLOCO 2 – Anúncio – Liberação de recursos – Assinatura de
Autorizo Digital.

T