Desenvolvimento Regional registra decréscimo de casos, internações e óbitos causados pela Covid-19 em todo o estado de SP

Secretaria de Desenvolvimento Regional

Publicado em

Plano SP completa 80 dias e anuncia flexibilização da quarentena em todas as regiões

Pela primeira vez desde a implantação do Plano SP, há 80 dias, 12 regiões do estado se situam na fase amarela e 5 na laranja. Nenhuma região está na fase mais restritiva da quarentena, a vermelha. A boa notícia foi dada hoje (21) durante coletiva de imprensa no Palácio dos Bandeirantes.

Liderada pelo Vice-Governador Rodrigo Garcia e pelos Secretários de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, Saúde, Jean Gorintcheyn, Desenvolvimento Econômico, Patrícia Ellen,    e Educação, Rossieli Soares, o evento apresentou as mais recentes informações acerca da evolução e enfrentamento da pandemia de coronavírus no estado, bem como as medidas de retomada da economia.

Hoje, 88% da população do estado vivem em regiões já na fase amarela, de flexibilização das restrições. “São bons sinais, que mostram que a pandemia em SP está em declínio”, afirmou o vice-governador Rodrigo Garcia.

“Nós estamos observando hoje três índices: casos, internações e óbitos, na Capital, na Grande SP e também no interior. Tivemos queda de casos da infecção da ordem de 51% na Capital, de 22% na Grande SP e de 13% no interior. Houve queda também no número de  óbitos, sendo 12% no interior e 24% na capital, seguindo a tendência das últimas semanas”, afirmou o secretário Marco Vinholi.

“Essa semana”, complementou Vinholi, “vamos encaminhar mais 133 respiradores, totalizando neste momento 3.767 distribuídos em todo estado, o que representa um aumento da capacidade hospitalar, onde já temos 9.568 leitos de UTI em todo o estado. “

Hoje também foi dia de reclassificação do Plano SP, e os membros do governo trouxeram a boa notícia de que cinco regiões do estado progrediram no Plano SP para fases menos restritivas da abertura da economia. Pela primeira vez, nenhuma região está na fase vermelha, a de maiores restrições.

“Isso mostra que a epidemia começa a ser controlada no estado”, disse o Vice Rodrigo Garcia.  

Cinco regiões progrediram, sendo elas: Registro, Franca, Barretos e Sub-regiões Norte e Oeste da Grande SP. Pela primeira vez desde a implantação do Plano SP, nenhuma região fica na fase vermelha.

As regiões Oeste e Norte da RMSP, assim como Registro, Franca e Barretos avançaram de fase na 12° classificação. Com a nova classificação, quase 90% da população paulista se situa agora em regiões que na fase amarela, de flexibilização, mas naturalmente com ainda algumas restrições preventivas.

O Governo de São Paulo realizará nos próximos dias pesquisa sorológica em alunos e professores da rede estadual de educação, como preparação da rede para o retorno às aulas de mais de 3,5 milhões de estudantes e 40 mil professores.

Por outro lado, houve endurecimento de medidas restritivas em duas regiões, devido à elevação nos indicadores. São elas Marília e São João da Boa Vista.

As regiões que vem da fase vermelha para a laranja, como Franca e Registro, mostraram grande atuação na evolução, observou Vinholi. “Na região de Franca, conseguimos colocar os leitos de UTI na Santa Casa, que enviamos e chegaram no último sábado; Registro também recebeu novos leitos”, disse.

Já as regiões que se mantiveram na fase laranja também tiveram evolução, como São José do Rio Preto, no caso em sua ocupação de leitos não foi superado a taxa menor que 75%, por tanto não chegou à fase amarela, mas saiu dos 79% da última avaliação.

Na região de Presidente Prudente, houve evolução em torno das internações e óbitos, o que manteve a região na fase laranja. “Por fim”, informou Vinholi, “quero ressaltar a adesão das prefeituras ao sistema de rastreamento da pandemia. Tivemos nesta semana reunião para debater a adesão dos municípios, foram mais de 500 cidades participando e registramos essa parceria com o Estado para que possamos seguir avançando nos indicadores e debelando a doença”, concluiu Vinholi.

Confira a 11° atualização do Plano SP completa, clicando aqui.

Tags: , , ,

PROGRAMAÇÃO – 1º SEMINÁRIO DE GESTÃO PÚBLICA

8h: Recepção – Credenciamento

9h: Abertura oficial – Vídeo ações do Governo de São
Paulo

9h10: BLOCO 1 – Desafios da Gestão Pública

• Marco Vinholi – Governo Municipalista;
• Henrique Meirelles – Economia e Finanças Públicas;

10h10: BLOCO 1 – Falas – Prefeitos e Parlamentares


10h40: BLOCO 2 – Soluções e inovações da
Gestão Pública

• Rodrigo Garcia – Diretrizes do Novo Governo;
• João Doria – Gestão Pública e Inovação Digital;

12h: BLOCO 2 – Anúncio – Liberação de recursos – Assinatura de
Autorizo Digital.

T