Juliana Ogawa é mãe da Sofia, bacharel em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade Presbiteriana Mackenzie, advogada, especialista em Direito Penal e Processual Penal pela Escola Superior de Advocacia e pós-graduada em Direito Constitucional. Exerceu a advocacia nas áreas do contencioso criminal e direitos humanos.

Após exercer a advocacia privada, passou a servidora pública. Esteve Assessora Técnica de Gabinete da Coordenação de Políticas para a População Negra e Indígena da Secretaria de Justiça e Defesa da Cidadania do Estado de São Paulo.

Na Secretaria da Casa Civil esteve Assessora Técnica da Subsecretaria de Assuntos Parlamentares assim como da Subsecretaria de Relacionamento com Municípios e, ainda, do Gabinete do Secretário.

Foi designada como Dirigente da Assessoria Técnica da mesma pasta, tornando-se assessora chefe da Casa Civil, também foi gestora estadual do Pacto Nacional para Enfrentamento da Violência contra a Mulher do Governo Federal.

Passou pela Prefeitura do Município de São Paulo, quando esteve Assessora Técnica do Gabinete na Secretaria de Direitos Humanos de Cidadania.

Na secretaria de Desenvolvimento Regional foi Assessora Técnica do Gabinete do Secretário antes de assumir a Chefia de Gabinete.