Parcerias Municipais promove oficinas sobre iniciativas de empregabilidade

Secretaria de Desenvolvimento Regional

Programa do Desenvolvimento Regional foca no combate à pobreza e geração de renda

A Secretaria de Desenvolvimento Regional (SDR) realizou nesta semana oficinas de trabalho para elaboração do portfólio de iniciativas do oitavo desafio do Programa Parcerias Municipais. Os encontros contaram com a presença de equipes técnicas do Programa, das Secretarias estaduais de Desenvolvimento Econômico e de Desenvolvimento Social, além de  especialistas convidados.

A segunda fase do Programa inclui, além dos setes desafios propostos em Saúde, Educação e Segurança Pública, outro desafio, desta vez focado na mitigação dos impactos da pandemia no combate à pobreza e na geração de emprego e renda.

Nesta quarta-feira (23), a oficina tratou das iniciativas com foco na geração de emprego e renda. Comandada pelo coordenador do Programa, Renan Bastianon, e pela gerente de Projetos da FIPE, Rosane Ribeiro, a oficina contou com a participação de Waldir Catanzaro, da SDR, e equipe técnica da FIPE, composta por Isabela Nogueira, Adriana Fontes, Karla Regnier, Marcelo Trevenzolli e Thiago Gallian. A Secretaria de Desenvolvimento Econômico foi representada pela Diretora Técnica, Claudia Cerqueira. Como técnicos convidados estiverem presentes os coordenadores do Sebrae São Paulo Manuela Colombo e Thiago Ramos.

A oficina de 24 de fevereiro abordou iniciativas para o desenvolvimento social e foi comandada por Renan Bastianon e Rosane Ribeiro, além de participação dos assessores da Secretaria de Desenvolvimento Regional, Waldir Catanzaro e da equipe técnica da FIPE, composta por Isabela Nogueira, Adriana Fontes, Karla Regnier, Marcelo Trevenzolli e Thiago Gallian. A Secretaria de Desenvolvimento Social foi representada pela Secretária Executiva, Nayra Karam, a Coordenadora de Desenvolvimento Social, Simone Malandrino, e da especialista convidada, a Profa. Alice Bittencourt.

As equipes técnicas e convidados especializados aprimoraram as iniciativas que serão sugeridas aos gestores municipais para a elaboração dos planos de ação da segunda fase do Programa. Diferente da primeira edição, este ano será obrigatório aos municípios adotarem as iniciativas definidas nas oficinas para a elaboração dos planos de ação. Depois de consolidado, o portfólio de iniciativas será disponibilizado aos municípios para elaboração de seus planos, fase que se inicia em 8 de março.

Kethlyn Jesus

Tags: , , , , ,

PROGRAMAÇÃO – 1º SEMINÁRIO DE GESTÃO PÚBLICA

8h: Recepção – Credenciamento

9h: Abertura oficial – Vídeo ações do Governo de São
Paulo

9h10: BLOCO 1 – Desafios da Gestão Pública

• Marco Vinholi – Governo Municipalista;
• Henrique Meirelles – Economia e Finanças Públicas;

10h10: BLOCO 1 – Falas – Prefeitos e Parlamentares


10h40: BLOCO 2 – Soluções e inovações da
Gestão Pública

• Rodrigo Garcia – Diretrizes do Novo Governo;
• João Doria – Gestão Pública e Inovação Digital;

12h: BLOCO 2 – Anúncio – Liberação de recursos – Assinatura de
Autorizo Digital.

T