Plano SP mostra queda em internações e óbitos causados pelo coronavírus em todo o estado de SP

Secretaria de Desenvolvimento Regional

Na 39ª semana epidemiológica, a redução do número de óbitos no estado foi de 17 %; nas internações, a queda de uma semana para outra foi de 6%

Nesta semana, o Estado de São Paulo segue exibindo queda consistente de novos casos de internação hospitalar pelo coronavírus e também da taxa de óbitos. Mais de 800 mil pacientes de Covid-19 foram recuperados. 104 mil foram as altas hospitalares. SP atinge também a menor taxa de ocupação de leitos de UTI desde o início da pandemia. O índice hoje é de 46,9% no estado. 3972 pacientes seguem internados em unidades de terapia intensiva e 5280 em enfermarias. Todos os municípios paulistas seguem na fase amarela de flexibilização da quarentena de acordo com o Plano SP.

Há cinco semanas que tem havido redução no número de óbitos no estado, e nesta que é a 39ª. semana epidemiológica, a queda nos óbitos foi de 17 % quando se compara o período de domingo a quarta-feira desta semana com mesmo período da semana anterior. Nas internações, a queda de uma semana para outra foi de 6%. Somente na Baixada Santista, a redução nas internações hospitalares foi de 25%. Na capital, os óbitos caíram 23% e as internações diminuíram em 10% de uma semana para outra.

Estas informações foram fornecidas pelo governador João Doria e membros do Executivo estadual e do Centro de Contingência do Coronavírus durante a coletiva de imprensa sobre o enfrentamento da pandemia realizada no Palácio dos Bandeirantes hoje (21). O evento contou com a participação do governador João Doria e dos Secretários de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, Desenvolvimento Econômico, Patrícia Ellen, do Secretário-Executivo de Saúde, Eduardo Ribeiro, além do coordenador do Centro de Contingência da Covid-19, José Medina, de seu coordenador-executivo, João Gabbardo, e do presidente do Instituto Butantã, Dimas Costa.

“É fundamental seguirmos respeitando o Plano SP para continuarmos evoluindo no combate à pandemia. Para mantermos a melhora destes índices nos municípios paulistas, registramos a necessidade de respeito às regras do Plano, além de isolamento, utilização de máscaras e não aglomeração”, explicou o Secretário Marco Vinholi após a coletiva.

O presidente do Instituto Butantã apresentou uma atualização dos procedimentos para a fabricação da vacina contra a Covid-19, que está sendo produzida em parceria com um laboratório chinês. Ele disse que até dezembro deste ano SP terá disponíveis seis milhões de doses da vacina para aplicação no estado. 40 milhões de doses passam a ser produzidas no Butantã até este mês. “Os testes têm mostrado que esta vacina possui excelente perfil de segurança”, afirmou Dimas Covas.

Durante a entrevista coletiva, o coordenador do Centro de Contingência do coronavírus, José Medina, anunciou o veto ao retorno parcial de público aos estádios de futebol do estado nas partidas de futebol de qualquer competição, disputadas por clubes ou seleções. A possibilidade foi vetada em razão do alto risco de aglomerações e disseminação do coronavírus dentro e fora de arenas nos dias de jogos. A decisão contrária ao pedido da CBF foi unânime entre os especialistas do Centro de Contingência.

“O Centro concluiu que o cenário atual da pandemia no estado de São Paulo não permite a retomada de público em eventos associados a grandes aglomerações, como nas partidas de futebol de qualquer categoria. Essa é uma decisão técnica. São Paulo permanece em quarentena, recomendando insistentemente o rigor no isolamento, distanciamento social e uso de máscaras”, afirmou José Medina, Coordenador do Centro de Contingência.

Tags: , , , , ,

PROGRAMAÇÃO – 1º SEMINÁRIO DE GESTÃO PÚBLICA

8h: Recepção – Credenciamento

9h: Abertura oficial – Vídeo ações do Governo de São
Paulo

9h10: BLOCO 1 – Desafios da Gestão Pública

• Marco Vinholi – Governo Municipalista;
• Henrique Meirelles – Economia e Finanças Públicas;

10h10: BLOCO 1 – Falas – Prefeitos e Parlamentares


10h40: BLOCO 2 – Soluções e inovações da
Gestão Pública

• Rodrigo Garcia – Diretrizes do Novo Governo;
• João Doria – Gestão Pública e Inovação Digital;

12h: BLOCO 2 – Anúncio – Liberação de recursos – Assinatura de
Autorizo Digital.

T